Aulão TJDFT: Dicas valiosas sobre Regência Verbal

Aula Língua Portuguesa - Regência Verbal

Você que acompanha o blog Vestcon deve ter percebido que nas últimas semanas focamos nosso esforço em tratar do tema Cocurso do TJDFT que está com as inscrições abertas até o dias 8 de novembro e cuja a prova objetiva está prevista para o dia 20 de dezembro de 2015.

Todo esse esforço é necessário para que você fique antenado e tenha uma preparação de qualidade para este certame, afinal esse é um dos concursos mais esperados e concorridos do ano de 2015!

5 vantagens de se trabalhar no TJDFT

Confira abaixo TOP 5 com as principais vantagens que vão lhe motivar a se preparar com maior intensidade e qualidade para o Concurso do TJDFT.

  1. Concurso com 80 vagas, sendo 37 para nível médio e 43 para superior;
  2. Remuneração de R$ 5.425,79 para nível médio e R$ 8.863,84 para superior;
  3. Benefícios como auxílio alimentação no valor de R$ 799,00;
  4. Alta taxa de convocações! No último certame eram ofertadas 96 vagas e 4.198 candidatos foram empossados.
  5. Regime de trabalho estatutário, o que garante estabilidade profissional.

Muitas pessoas, acredito que esse possa ser o seu caso, já tiveram uma (ou mais) dúvidas relacionadas a língua portuguesa. Até aí nenhum problema, afinal existem uma infinidade de regras gramaticais que temos que observar, ainda mais se tratando de concursos públicos e essa quantidade de regaras por vezes nos levam a fazer alguma confusão, o problema é quando isso ocorre junto no momento da prova.

Para tentar lhe auxiliar nos seus estudos de preparação para o Concurso TJDFT 2015 o Professor Alexandre Amorim, do portal Vestcon, elaborou uma aula onde ele trata de um tema super importante para concursos, principalmente para o que estamos nos preparando.

Nesse aulão o professor irá nos falar sobre Regência Verbal que nada mais é do que a relação de um termo (complemento ou adjunto do verbo) , adaptando-se a ele (ao verbo) com ou sem preposição. Assim acontece também com a regência nominal, quando o termo complemento ou adjunto, se adapta ao nome com ou sem preposição.

Um pouco sobre o professor Alexandre Amorim

Antes do link para que você assista a essa aula exclusiva, vamos a uma rápida apresentação do professor que irá ministrar a aula, feita por ele mesmo:

Sou o professor Alexandre Amorim, ministro aulas de Língua Portuguesa desde o ano de 2004. Iniciei minhas atividades docentes após ingressar na carreira de Sargento do Exército Brasileiro, tive a honra de ser aprovado para o concurso da Escola de Sargentos das Armas, morei em Minas Gerais e posteriormente retornei a minha terra Natal – Brasília – fui aprovado para outros concursos, mas, hoje, dedico-me integralmente a docência, ou seja, dedico-me exclusivamente à sua aprovação.

No material de apoio a essa aula você encontrará a apresentação acima, bem como o e-mail do professor, para que faça contato caso necessário!

[emaillocker id=257][/emaillocker]

 

 

Você também pode gostar...