Concurso PM-SP – Definida banca organizadora!

Ótima notícia aos concursandos que aguardam o novo concurso público da Polícia Militar de São Paulo (PM SP)!

No dia 08 de fevereiro de 2018, foi divulgada no Diário Oficial do Estado, a dispensa de licitação para contratação da banca organizadora escolhida para a realização do concurso PM-SP.

A boa notícia é que a banca será a mesma das últimas seleções, a Fundação Vunesp, o que permite que os concursandos possam se preparar através das provas anteriores!

A oferta do certame será de 2.700 vagas para o cargo de Soldado PM de 2ª Classe do Quadro de Praças, com exigência de nível médio e salários de até R$ 3 mil!

Previsão do edital Concurso PM-SP

A previsão é de que a publicação do edital aconteça ainda no primeiro semestre de 2018. A intenção da PM-SP é que a divulgação se dê no mês de maio de 2018. Contudo, com a notícia da escolha da Vunesp, o documento pode ser antecipado e sair nos próximos meses.

A Divisão da Polícia Militar de São Paulo e a Vunesp começarão a ser reunir para discutir detalhes do edital. O cronograma deve começar a ser montado em breve, definindo prazo de inscrições e previsão de provas.

Quantitativo de vagas

De acordo com a autorização governamental, publicada em dezembro de 2017, a previsão é de 5.400 vagas na categoria, contudo esse número será divido em dois concursos públicos.

Além deste concurso em 2018, a PM-SP publicará outro edital no segundo semestre, também para 2.700 vagas de Soldado, os aprovados no segundo concurso serão contratados a partir de janeiro de 2020.

Qual o salário do Soldado da PM-SP?

A remuneração do cargo de Soldado de segunda classe (início de carreira) é de R$ 3.034,05, sendo R$ 1.178,88 de salário, R$ 1.178,88 de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e R$ 676,29 de insalubridade.

Quem poderá concorrer às vagas?

Para concorrer à carreira é necessário nível médio completo, idade entre 17 e 30 anos, carteira de habilitação de categorias “B” a “E” e altura mínima de 1,55m, para mulheres, ou 1.60m, para os homens.

Como será a Prova do concurso PM-SP?

A boa notícia para os concursandos é que de acordo com a Divisão de Alistamento e Seleção da PM, o próximo edital não terá alterações de conteúdo programático, processo seletivo ou de requisitos em relação ao último concurso, iniciado em setembro de 2017. Portanto, os participantes podem tirar o último edital como referência. Ainda mais quando a banca organizadora será novamente a Vunesp.

Com base no último certame, a avaliação dos candidatos será dividida em seis fases, são elas:

– Exame de conhecimentos (divido em prova objetiva e dissertativa);
– Exame de aptidão física;
– Exames de saúde;
– Exames psicológicos;
– Avaliação de conduta social, da reputação e da idoneidade;
– Avaliação de documentos.

A prova objetiva foi formada por 50 questões de múltipla escolha que versarão temas sobre Língua Portuguesa, Matemática, Conhecimentos Gerais, Noções Básicas de Informática e Noções de Administração Pública. Já na prova dissertativa, os candidatos deverão desenvolver uma redação a partir de tema proposto.

A prova foi aplicada nos municípios paulistas de Araçatuba, Bauru, Campinas, Ribeirão Preto, Santos, Piracicaba, Presidente Prudente, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba.

Último concurso PM-SP

O último certame aconteceu em 2017 e contou com 2.200 vagas para Soldado de 2ª classe.

Foram registrados nada menos que 111.448 inscritos, a organização foi de responsabilidade da Vunesp.

Para concorrer, as exigências foram formação de ensino médio completo; Carteira Nacional de Habilitação (entre as categorias “B” e “E”); altura mínima de 1,60m para homens e 1,55m para mulheres; e idade entre 17 e 30 anos. O salário dos aprovados foi de R$ 2.992,54.

Bons estudos!

Você também pode gostar...